Polônia,  Varsóvia

Roteiro de 1 dia e meio em Varsóvia

Como conhecer a capital da Polônia em pouco tempo? Dicas de comida e passeios

Chegamos em Varsóvia à tarde, almoçamos no Podwale 25, um restaurante que fica bem no centro histórico e tem uma comida maravilhosa e barata. Pagamos R$40,00 reais num prato gigante de frango com batata e salada + uma cerveja de 1l.

Fizemos um free walking tour às 16pm para conhecer um pouco sobre a história da cidade. No tour passamos pela Castle Square e o Castelo Real. No dia seguinte tivemos a oportunidade de entrar no patio principal dele, mas acabamos não seguindo para conhecer por dentro. 

Descobrimos que a St Anne’s Church foi o único prédio do Centro de Varsóvia que resistiu aos bombardeios da II Guerra. Olha a foto dele aí embaixo.

E que todas as fotos a seguir são prédios que passaram por reconstrução.

Depois seguimos para St. John Church, em direção ao muro que separa a cidade velha da cidade nova, passamos pelo Barbican – castelo + muro que fazem essa divisão.

Em frente aos muros do Barbican tem um restaurante tipo milkbar, é uma resquício da culinária do pós-guerra, serve pratos grandes e baratos.

Seguimos para o monumento dedicado aos judeus, que marca onde os guetos foram estabelecidos. Aprendemos um pouco sobre a vida dos judeus na época. Além da terrível humilhação e segregação, eles eram privados de comida e do mercado comum. Eles eram obrigados a usar um tipo de braçadeira com a estrela de Davi, para identificação, pois os alemães, que ocupavam a polônia na época,  diziam para a população que judeus tinham tuberculose e outras doenças, fazendo com que as pessoas evitassem o contato total.

Onde eram os muros, há essas marcações no chão. Depois do tour, voltamos para o airbnb.

 

No dia 02 começamos pelo Parque das Fontes, onde fica a estátua de Marie Curie, a cientista polonesa que ganhou 2 vezes o Prêmio Nobel, por sua atuação na área da radioatividade. Depois passamos nos locais do centro para uma visitação mais detalhada, pois os pontos vistos no tour são apenas do lado externo… Entramos nas igrejas, no palácio e pegamos um uber para Łazienki Park, o maior parque da cidade.

Nesse parque tem uma estátua gigante de Chopin, o famoso pianista polonês que nasceu em Varsóvia. Lá também tem um castelo cercado por águas, chamado Castelo da Ilha, esse aí da foto acima.

Se você gosta de música clássica, no centro tem um museu do Chopin, onde você pode assistir à um concerto de suas músicas http://timeforchopin.eu/en/

Voltamos caminhando e passamos na frente do Palácio da Cultura e Ciência, do Jardim Saxon, do  Monumento ao Soldado desconhecido e do Palácio Presidencial, caindo novamente no Centro Histórico.

Outra atividade interessante na cidade é conhecer o Museu de Copérnico, mas acabou não dando tempo.

No final do dia, paramos para comer os famosos Pierogis, recomendamos a Pierogeria Zapiecek, estavam maravilhosos!

 

Facebook Comments