Ásia,  Chiang Mai

O que fazer em Chiang Mai?

O Norte da Tailândia é lindo e vale a pena a visita! Mesmo para quem é louco por praias como nós, não deixe de incluir o norte do país na sua visita. Nossa sugestão é passar pelos menos 3 dias em Chiang Mai e 2 dias em Chiang Rai, que fica há 3 horas de ônibus.

Como chegar?

Vindo de Bangkok tem voos direto para Chiang Mai e para Chiang Rai, além disso tem trem e ônibus. Voar de avião pela Tailandia é bem barato, pagamos cerca de 150 reais pelos trechos internos da nossa volta pelo país. A companhia aérea mais barata é a Air Asia, mas também tem a NokAir, vale a pena pesquisar!

O que fazer em Chiang Mai?

Passamos 4 dias em Chiang Mai bem na época do Festival das Lanternas, por isso vamos dar algumas dicas do que fazer por lá e publicaremos um texto detalhado sobre o Festival.

 

Roteiro de 4 dias em Chiang Mai

 

Dia 01 – Mercado Noturno

Chegamos em uma noite de domingo e estava rolando um mercado noturno de final de semana.

Caso você chegue no final de semana, vou deixar o endereço da feirinha noturna:

Endereço do Mercado Noturno no centrinho da Cidade Velha: Rachadamnoen Rd, Tambon Si Phum, Amphoe Mueang Chiang Mai, Chang Wat Chiang Mai 50200.

Dia 02 –  Templos

Começamos o dia conhecendo o Templo Wat Phra Singh Woramahawihan. Muito lindo, tem uma parte atrás dele com sinos e elefantes dourados. Preço 20 baht. Esse templo fica bem no meio do quadrado da cidade. Se você ficar nesse quadrado, você consegue ver muito coisa a pé.

Depois fomos até o Templo Wat Chedi Luang, esse templo é maior, parece o mais antigo da cidade, tem umas ruínas remanescentes.

Tem um Buda reclinado e um Buda gordo, além de vários Budas magros. A área do templo é bem grande.

Nesse templo, é possível conversar com os monges. Eles ficam na lateral do templo e adoram treinar o inglês com os turistas. Ficamos uns 30 minutos trocando uma ideia com um deles. Essa é uma boa oportunidade de conhecer um pouco da religião.

Mas, conversando com um monge, a impressão que ficamos é que os monges escolhem essa vida por falta de opção financeira, pois normalmente são crianças carente acolhidas pelos monastérios para terem oportunidade de estudar e comer melhor.

* Crianças monges no templo! Muito carinho pela cultura de paz da Tailândia. Apesar das nossas diferenças religiosas, nós, como Cristãos, nos sentimos muito bem com a tranquilidade e paz vivida em todas as cidades da Tailândia.

Prosseguimos nossas caminhadas e como estávamos na semana do Festival das Lanternas, vimos um espetáculo de dança e luzes que aconteceu ao anoitecer no centro da cidade. Bem lindo! Danças tradicionais, velas e música!

Depois de curtir um pouco do festival no centro, pegamos um carro para fazer um passeio no dia seguinte e como estávamos motorizados naquela noite, fomos até o Night Market Bazar. Poxa, é gigante, vale super a pena!

Como locar um carro em Chiang Mai? Locamos um carro em Chiang Mai por 1 dia para fazer um passeio em um ponto mais afastado da cidade.

Locamos com a Jung Rent A Car. Não tivemos nenhum problema.

Endereço: 63/56 Arak Rd, Tambon Phra Sing, Amphoe Mueang Chiang Mai, Chang Wat Chiang Mai 50200, Tailândia

Dia 3 – Bate e Volta à Montanha Doi Inthanon – Ponto mais alto da Tailândia

Que aventura massa! Estávamos cheios de dúvidas sobre a visita a montanha e agora que visitamos vamos colocar todos os detalhes desse bate e volta que vale super a pena.

Primeiro ponto é: Alugar um carro ou fazer o dia de passeio com a agência?

Nós acreditamos que a economia de fazer por conta própria não compensa, veja a tabela de gastos que tivemos e tire suas conclusões – Relação custo benefício para um casal.

Valores de Novembro/2018

Gastos Valor de Carro  Valor do Tour com Agência
Aluguel do Carro 1000 baht
Entrada no Parque 300 baht/pessoa + 30 baht/carro
Entrada na Trilha Kew Mae 200 baht 
Entrada na Pagoda 40 baht/pessoa
Gasolina 530 baht – carro pequeno
Almoço 70 baht/pessoa
Total 2580 baht = 300 reais 3000 baht = 350 reais, para 2 pessoas

Você economiza apenas 50 reais e não precisa se preocupar com direção, nem correr o risco de levar um multa ou coisa parecida.

Mas para quem odeia passeios em grupo e ainda as terríveis visitas em lojinhas: Valeu!

O que fazer no Parque Nacional Doi Inthanon?

  1. Fizemos a trilha Ang Ka Nature Trail – 340 metros – loop bem tranquilo.
  2. Fizemos a trilha Kew Mae Pan Nature Trail – Essa trilha são 3 km, um pouco mais cansativa, mas é a coisa mais linda que vimos por aqui. Você só pode fazer com um guia, que fica na porta da trilha te esperando. Você paga 200 baht diretamente para o guia e começa!

Leve água, são várias subidas e descidas, mas o visual é de tirar o fôlego!

Fizemos a trilha em quase 2 horas, mas você vai no seu tempo. O legal de ter o guia é que ele tira fotos incríveis para você.

  1. Visita as Pagodas – lindo demais!!! Ideal para relaxar depois de fazer duas trilhas 😀

Esse lugar parece um conto de fadas, um templo em homenagem a rainha e um ao rei. Lugar tão tranquilo e de paz.

Dia 04 – Visitar um reserva de Elefantes

Essa é uma das principais atrações de Chiang Mai, mas não fomos 🙁 Pois nossa visita a Chiang Mai foi motivada pelo Festival das Lanternas.

O importante sobre a visita a reserva de elefantes é escolher uma reserva que realmente tenha o propósito de resgatar e preservar os animais.

_______________________________________________________________________

O Festival das Lanternas foi o ponto alto da nossa visita a Chiang Mai e por isso faremos um post com todos os detalhes para você que está se organizando para ir no Festival em 2019.

 

Chiang Mai é incrível! Aproveite seus dias por lá….

 

Um abraço,

 

Aimée e Fábio

Facebook Comments